quinta-feira, 31 de dezembro de 2015

Quais são as teorias da firma e como elas se relacionam à governança corporativa?


Luigi Zingales, no artigo Corporate governance (1997), afirma que, antes de discutir sobre como a firma deve ser governada, é preciso definir o que é a firma, palavra frequentemente usada por economistas para se referir à entidade empresarial ou empresa.

O conceito de firma começa a emergir no âmbito da chamada economia neoclássica, pois os economistas clássicos não se ocuparam especificamente do mesmo. E quais são os principais conceitos de firma, segundo a economia? No artigo Governança corporativa: algumas reflexões teóricas sob a perspectiva da economia, as professoras Patrícia Bernardes e Mônica Mansur Brandão identificam a firma, de forma não exaustiva, segundo três visões distintas:

Quem foi Ronald Coase?


Ronald Harry Coase (29/12/1910 - 2/9/2013) foi um economista e professor britânico, com origem na classe trabalhadora, que desenvolveu diversos trabalhos sobre o sistema capitalista e por eles teve grande reconhecimento, em âmbito global. Foi agraciado, em 1991, com o Prêmio Nobel de Economia, especialmente em função de trabalhos como A teoria da firma e O problema do custo social. Seu livro The firm, the market and the law (A firma, o mercado e o direito) foi traduzido para a língua portuguesa em 2016, tendo sido publicado no Brasil pela Forense Universitária.

sexta-feira, 25 de dezembro de 2015

Quais são as estruturas de governança do capitalismo?


Em 1997, J. Rogers Hollingsworth e Robert Boyer, no artigo denominado Coordination of economic actors and social systems of production, integrante do livro Contemporary capitalism – the embeddeness of institutions –, coordenado por esses autores, explicam que uma economia capitalista opera por meio de um conjunto de estruturas ou mecanismos de coordenação de atividades econômicas, a saber: empresas (ou firmas, palavra muito usada em economia), mercados, redes, associações, comunidades e Estado entre outros.

terça-feira, 15 de dezembro de 2015

COP 21: 195 países se comprometem a frear o aquecimento global


Neste último sábado, 12 de dezembro de 2015, a plenária da COP 21 aprovou o primeiro acordo global de fato para enfrentar as mudanças climáticas, reduzindo as emissões de gases de efeito estufa (GEE’s). Os 195 países signatários, Brasil incluído, concordam em atuar para limitar o aumento da temperatura média do Planeta abaixo de 2 graus centígrados, com foco na meta de 1,5 graus centígrados.

sexta-feira, 11 de dezembro de 2015

Caso Volkswagen: fraude, governança e sustentabilidade


Na segunda semana do mês de setembro de 2015, o Departamento de Justiça dos Estados Unidos iniciou uma investigação de cunho penal contra a Volkswagen, montadora alemã que atualmente ocupa o patamar de maior empresa do ramo automobilístico no mundo. O motivo que desencadeou a investigação foi a suspeita de um software utilizado pela Empresa para fraudar os resultados de testes contra a emissão de poluentes, realizados nos carros da marca. A denúncia partiu de pesquisadores da Universidade West Virgínia, após a análise de veículos.

sexta-feira, 4 de dezembro de 2015

BMFBovespa compensa emissões de gases de efeito estufa


Desde 2013, a BMFBovespa faz compensação da emissão de gases de efeito estufa (GEEs), tendo compensado as emissões por ela geradas em 2011 e 2012. Neste ano de 2015, a prática foi repetida, por meio da compensação das emissões de 2014. Para isso, 4.903 créditos de carbono, ou seja, 4.903 toneladas de CO2 equivalente foram adquiridos no âmbito do Mecanismo de Desenvolvimento Limpo (MDL) do Acordo de Quioto.

terça-feira, 1 de dezembro de 2015

Começa a COP 21


A 21ª Conferência das Partes da Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima (COP 21) foi iniciada em Paris nesta segunda-feira (30), sob forte aparato de segurança. O evento ocorre sob o temor de novos atentados terroristas, após aqueles ocorridos no dia 13 de novembro, na capital francesa, quando um conjunto de ataques coordenados, em distintos pontos da cidade, provocou 129 mortes, além de ferimentos em muitas pessoas (leia mais aqui para mais informações).